terça-feira, 28 de dezembro de 2010

O tempo achatado se deita ao meu lado


O tempo achatado se deita ao meu lado
em um banco de praça pouco habitada em dias de muito frio.
O carrinho de feira atravessa o cruzamento,
deixando cair pelo chão, restos de algum açougue
O olhar distante percebe logo adiante
e volta em disparada em busca das partes no chão
já sendo lambidas por coiotes urbanos...

Sinto-me inquieto e sozinho
diante de certos fatos
Se certos sentimentos nostálgicos me acompanham,
o que posso fazer?
A realidade me chama
Sei que não posso viver em uma bolha e achar que tudo é um lindo
conto de fadas. Não é por que seu sorriso ainda me encanta que vou alimentar um mosaico banhado de ilusões e práticas idiotas.
Não quero carregar o pavoroso riso do idiota em volta de mim.

Se ao andar pelas ruas me vejo diante de "misturas" de toda uma semana sendo recolhidas de um asfalto quente, se vejo uma criança quase ser atropelada na tentativa de salvar pelancas de gordura, se vejo carros buzinando, pessoas gritando para ela saír da frente que eles não querem sujar só pneus de seus carros...

Se esta é a realidade que observo ao caminhar pelas ruas do centro de uma grande cidade, e mesmo assim ainda consigo me lembrar de seu olhar,
tens razão...
a nostalgia é minha amante!

Se as palavras em minha boca ainda não se afogaram em sua saliva
Se sua língua não leu meus pensamentos
Se suas "amigas" orientais não sabem meu nome
Se suas digitais ainda habitam "Beth Gibbons" em minha prateleira
é porque dancei com você...!

E que dança...

Texto: Poema reeditado de Juan Moravagine Carneiro (Rafael Carneiro)
Imagem: Trabalho do grande Joe Coleman

15 comentários:

  1. Também senti saudades :)

    Primeiro foi você, depois foi eu, rs... acho que as coisas foram assim.

    Eu andei bastante ocupada com meu final de semestre, avó doente e tantas outras coisas.

    Como você está?


    Desejo que esteja bem. Em paz. Escrevendo :)

    Ah, Feliz ano novo. Saúde, paz e muita luz querido.
    Cuide-se.

    Um abraço apertado!

    ResponderExcluir
  2. "... a nostalgia é minha amante."
    Forte! Intenso! Aos berros na alma!

    Muito lindo!


    Um beijo, feliz 2011!

    ResponderExcluir
  3. Tudo que encontro aqui é edificador. Este espaço cultural cumpre seu papel de forma sublime. Gostei demais!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. dança de olhos fechados e rostos colados?
    eu quero...

    ei, estou aqui.
    Feliz ano novo!!!
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Meu amigo
    Desculpe ir adentrando assim, pela sua casa, mas passei e gostei muito de tudo que li aqui, tomei a liberdade de seguir para voltar mais vezes, se me der licença.

    Beijo
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  6. سنة جديدة سعيدة!
    السنة الجديدة 2011 احتفالات الألعاب النارية في جميع انحاء العالم
    http://fireworks2011.blogspot.com/
    عرض على موقع يوتيوب
    http://youtu.be/QlQ3b0TfiFM

    Happy New Year!!
    New Year's 2011 Fireworks Celebrations Around the World
    http://fireworks2011.blogspot.com/
    Demo on YouTube
    http://youtu.be/QlQ3b0TfiFM

    ResponderExcluir
  7. Belíssimo.
    As vezes as ilusões são a nossa coluna vertebral.

    ResponderExcluir
  8. Caro Juan, prezadíssimo!
    Bom te ler de novo! Escutar-me em teus escritos e signos. Bom, muito bom!
    Pois, no dia dois de janeiro tudo será diferente já dizia o ausente mental!
    Saudável 2011, o resto... arranjamos!

    ResponderExcluir
  9. Nostalgia doce e inebriante!

    Que o ano de 2011 seja de muito amor, paz, saúde, alegrias e realizações!!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. O tempo é sábio! Aí daqueles que não confiarem no tempo!

    ResponderExcluir
  11. Quando puder, assista.

    É um filme maravilhoso :) abraços querido e feliz ano novo.

    ResponderExcluir
  12. caro juan,
    já tinha saudades de te ler ao som de um bailado tão teu que o reconheceria mesmo que não assinado por baixo.
    desejo-te que no próximo ano tudo te corra conforme desejas e que o teu rembrandt nos continue a deliciar com as tuas telas sempre brancas!
    um abraço!

    ResponderExcluir
  13. Bem-vindo de volta, menino sumido!!! rs Desejo que 2011 te faça mais presente, e estarei aqui, conferindo e aplaudindo...
    Tudo de LUZ no novo ano...
    Beijos,

    ResponderExcluir
  14. Que tempo!
    Um vendaval de sensações.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  15. Dançar é mais que acompanhar o ritmo e deixar o corpo expressar-se num encontro de movimentos sensuais... dançar é entrelaçar almas, desejos, sonhos.
    Estava com saudades de vir aqui e venho hoje pra te desejar um ano de 2011 repleto de realizações e alegrias.
    Beijokas e meu carinho.

    ResponderExcluir

- Chegue diante do quadro sem intenção preconcebida de sarcasmo.

- Olhe para a pintura do mesmo modo como olharia para uma pedra talhada. Aprecie as facetas, a originalidade da formam, a luta com a luz, a disposição da linha e das cores [...]

- Escolher um detalhe que seja a chave do conjunto, fixá-lo por um bom tempo, e o modelo surgirá.

- Nessa última comparação, deixar-se levar até as regiões da mais requintada Alusão.

Max Jacob


Que os vasos se comuniquem!

Related Posts with Thumbnails